AL-Noticias

Futebol

FUTEBOL 2012 – Acompanhe o que rolou nos estaduais

Publicado em:    18 fev 2012 às 20:59,         Última atualização em: fevereiro 18, 2012 às 21:00

Reservas vencem São Caetano e mantêm Corinthians invicto

Com Adriano e Douglas em campo, os jogadores considerados reservas do Corinthians ganharam do São Caetano por 1 a 0 neste sábado de Carnaval, no Anacleto Campanella. O centroavante não participou tanto da partida, porém foi ovacionado ao ser substituído por Elton no segundo tempo. Já o meia, ainda fora de forma, fez bela assistência para Willian anotar o gol da vitória.

O resultado positivo deixou o Corinthians invicto e com os mesmos 20 pontos do líder Palmeiras (que leva vantagem no saldo de gols) na ponta da tabela de classificação do CampeonatoPaulista. Na quarta-feira, a rival será a Portuguesa, no Pacaembu. O São Caetano, que vinha de triunfos sobre Paulista e Comercial, tem 11 pontos e tentará se reabilitar contra o Mogi Mirim no mesmo dia, no Estádio Romildo Vitor Ferreira.

jogo –  A torcida do Corinthians ocupou vagarosamente as arquibancadas do Anacleto Campanella neste sábado de Carnaval. O público não chegou a se animar com os sambas reproduzidos pelo sistema de som do estádio do São Caetano, porém se manifestou com aplausos e até com alguns gritos quando o locutor anunciou a escalação de Adriano.

O centroavante foi um dos últimos jogadores do Corinthians a pisar no gramado. Juntou-se ao restante do time no tradicional cumprimento à torcida quando os demais já estavam com os braços erguidos. Assim que a partida começou, contudo, Adriano pareceu fazer questão de dar alguns piques pela ala direita e de pedir insistentemente a bola.

Djalma Vassão/Gazeta Press

Adriano se esforçou para ter uma atuação convincente em sua primeira partida na temporada

Ainda fora de forma, o meia Douglas não demonstrava o mesmo ímpeto de seu companheiro. O recém-contratado, que se projetou no São Caetano, encarregou-se da maioria dos lances de bola parada do Corinthians, mas errou passes e foi ofuscado na armação por Edenílson e Cachito Ramírez no primeiro tempo. O peruano se entrosou bem com Willian do lado direito do campo.

Santos vence o Mirassol por 3 a 1 com exibição de gala de Juan e Ganso

Sem dificuldades, e apresentando um futebol exuberante, os titulares do Santos foram a Mirassol e derrotaram o time da casa por 3 a 1 neste sábado. Superior do início ao fim, o Peixe ainda teve um gol marcado pelo estreante Juan, que foi um dos melhores em campo graças às investidas corajosas ao campo de ataque e às tabelas com o igualmente inspirado Paulo Henrique Ganso.

O próprio lateral esquerdo abriu o placar, aos 12 minutos do primeiro tempo, no momento em que o Santos criava jogadas uma atrás da outra. Logo no início da segunda etapa, Borges aumentou a vantagem de pênalti e anotou seu primeiro gol na temporada. O Mirassol reagiu cinco minutos depois, com Preto, se aproveitando do erro de marcação de Ibson.

O terceiro gol do Peixe, que definiu o placar, foi marcado após cobrança de falta de Elano e cabeceio do capitão Edu Dracena. Assim, o Santos alcança a quinta colocação do CampeonatoPaulista, enquanto o Mirassol cai para o 13º lugar na tabela de classificação.

Pela décima rodada, que será disputada no próximo meio de semana, o Santos recebe o Comercial na Arena Barueri na Quarta-Feira de Cinzas, às 19h30 (de Brasília). Já o Mirassol vai a Lins encarar o Linenese no mesmo dia e horário.

Love marca, Flamengo vira sobre o Resende e faz semi com o Vasco

Flamengo sofreu mas venceu o Resende por 3 a 1 na tarde deste sábado em Volta Redonda, e se classificou para às semifinais da Taça Guanabara, primeiro turno do Campeonato Carioca.

Precisando da vitória para se classificar, o Rubro-Negro teve o domínio do jogo, mas o Resende não liderava o grupo A por acaso. Com um time bem armado, a equipe de Paulo Campos saiu na frente no início do segundo tempo, com Marcelo Regis.

O Fla, por sua vez, tinha Ronaldinho Gaúcho e Vágner Love, que marcaram e decretaram a virada. Negueba completou o placar.

Com a vitória, o Flamengo terminou a fase de classificação em segundo lugar, com o mesmo número de pontos do Botafogo (15), que venceu o Macaé por 3 a 0, e irá enfrentar o Vasco, provavelmente na próxima quarta-feira à noite, no Engenhão.

Vasco derrota Boavista e ajuda Fluminense a se classificar

Mesmo jogando com um time misto o Vasco conseguiu manter os cem por cento de aproveitamento na Taça Guanabara, primeiro turno do Campeonato Carioca. Na noite deste sábado, pela última rodada da fase de classificação, o Cruzmaltino derrotou o Boavista por 1 a 0 no Estádio Olímpico João Havelange, o Engenhão, no Rio de Janeiro.

Kim fez o gol que deu o triunfo ao Vasco, que terminou o Grupo B com 21 pontos e na quarta-feira, nas semifinais, encara o Flamengo. O resultado eliminou a equipe da Região dos Lagos, que permaneceu com 11 pontos e acabou perdendo a vaga nas semifinais para o Fluminense, que derrotou o Bangu por 3 a 0 e chegou aos 13 pontos.

Quem esperava o Vasco apático e sem se importar com a partida foi surpreendido logo de cara, pois o Cruzmaltino, como vem fazendo ao longo do campeonato, procurou logo impor um ritmo forte. Porém, diante de um adversário que sabia se fechar bem na defesa, demorou a assustar. O primeiro lance de perigo veio apenas aos 16 minutos, quando Diego Souza cobrou falta e a bola raspou o travessão do goleiro Thiago.

Presente no campo do adversário, o Vasco continuou perigoso e aos 23 minutos desperdiçou grande oportunidade de abrir o marcador. Diego Souza cruzou da esquerda e Douglas, na pequena área, cabeceou para grande defesa de Thiago.

Sabendo da vitória do Fluminense, o Boavista começou a sair mais para o jogo e terminou a primeira etapa mais presente no campo do rival. De perigo realmente o time da Região dos Lagos conseguiu um chute de Fabrício, aos 30 minutos, que passou à esquerda do goleiro Fernando Prass, e um arremate de Somália, já nos acréscimos, que passou sobre o travessão.

Na volta para o segundo tempo o Boavista adiantou a sua marcação, o que propiciou mais campo para os contra-ataques do Vasco. Em um deles, aos oito minutos, por muito pouco o Cruzmaltino não abriu o marcador. Willian Barbio arrancou pelo lado direito, se livrou de Bruno Costa e chutou na rede pelo lado de fora. Cinco minutos depois, novamente pelo setor esquerdo de defesa do Boavista, Fagner recebeu na grande área e chutou para fora, assustando Thiago.

O Boavista, porém, não se intimidou com os ataques vascaínos e também assustou. Aos 16 minutos Fabrício arriscou de fora da área e a bola passou sobre o gol. Um minuto depois o arremate foi de Bruno Veiga e Fernando Prass defendeu com dificuldades. Aos 31 minutos o Boavista quase abriu o placar. Fabrício cobrou falta e Marlon cabeceou para Fernando Prass operar um verdadeiro milagre.

Quando o Boavista mais parecia presente no ataque o Vasco conseguiu abrir o marcador aos 34 minutos. Jonathan fez boa jogada individual, dividiu com os zagueiros e a bola sobrou para o chute colocado de Kim, que fez a bola entrar no ângulo esquerdo do goleiro.

Fonte: gazeta.net

Tags:
O PORTAL AL-Notícias e seus colaboradores não emitem nenhum comentário para não expressar opinião. Sendo assim comentários emitidos aqui são de inteira responsabilidade de seus autores atendendo assim a nossa Política de Privacidade. É expressamente proibida a emissão de comentários cujo teor contenha palavras de baixo calão que desrespeita a ética moral, a lei e os bons costumes da sociedade. O PORTAL tem autonomia para moderar e repudiar, sem prévio aviso, comentários postados que firam critérios contidos neste aviso.

Não há comentários Vou comentar!

Ainda não há comentários.

Deixe seu comentário