15.000 ucranianos decidem fazer uma orgia em massa se a Rússia implantar armas nucleares
Mais de 15.000 confirmaram participação em uma festa de sexo em uma colina se Putin decidir apertar o botão vermelho, com os participantes até indicando se preferem sexo anal ou oral.
Conteúdo publicado/enviado por: COM: JPOST.COM em: 10/10/2022 às 15:57h.
Compartilhe com mais pessoas

O medo do uso de armas nucleares pela Rússia contra a Ucrânia paira sobre a crise atual, mas alguns ucranianos encontraram uma… solução criativa.

Um grande grupo de ucranianos decidiu organizar uma orgia em massa para acontecer em uma colina fora de Kyiv, caso Putin lance uma bomba nuclear.

Mais de 15.000 já se inscreveram no Telegram para a festa do sexo. A orgia em massa acontecerá em uma colina fora da cidade, onde os participantes serão convidados a decorar suas mãos com listras coloridas, simbolizando seus interesses sexuais. Se você está pensando em participar – três listras são para os amantes do sexo anal e quatro listras são para os amantes do sexo oral.

Os organizadores afirmam que o evento, no qual os moradores abrirão mão dos abrigos e bunkers atômicos em favor de uma celebração sexual, é tão popular que “por algum motivo, todos os apartamentos com vista para o morro desapareceram dos imóveis“.

O que os ucranianos pensam sobre essa ideia?
Uma mulher local disse que o programa incorpora o espírito ucraniano otimista e a crescente autoconfiança sobre suas chances de vencer a guerra em uma entrevista à Radio Free Europe.

É o oposto do desespero. Mesmo no pior cenário, as pessoas estão procurando por algo bom“, disse ela. “Este é o mega-otimismo dos ucranianos.”

Outra pessoa acrescentou que “é uma tentativa de mostrar que quanto mais eles tentam nos assustar, mais vamos transformar isso em outra coisa. O humor ajuda. É uma resposta à ameaça russa“.

O canal Telegram que promoveu o evento cobre a guerra de forma bem-humorada – e recentemente descreveu os esforços do contra-ataque em Kherson como “festas de BDSM para os russos”.

Quando uma sirene de ataque aéreo soou na semana passada, um membro da orgia até perguntou entusiasmado: “Já está na hora?” com um emoji atrevido – e recebeu cerca de 600 smileys em resposta.

Em uma nota mais grave

Enquanto isso, no lado mais grave de Kiev , as autoridades começaram a distribuir pílulas de iodeto de potássio por medo de um ataque nuclear. O conselho da cidade da capital ucraniana confirmou que fornece abrigos e centros de evacuação em preparação.

As pílulas podem ajudar a bloquear a radiação nociva na glândula tireóide no caso de um desastre nuclear se tomadas imediatamente antes ou imediatamente após a exposição à radiação nuclear. As autoridades de Kyiv disseram em comunicado que distribuiriam as pílulas em áreas contaminadas por radiação nuclear se a evacuação fosse necessária.

Fonte: https://www.jpost.com/