Copa do Nordeste: ASA começa mal a decisão e perde para Campinense
Conteúdo publicado por Divulgação em: 11/03/2013 às 6:56h.
Compartilhe com mais pessoas

Com gazeta esporte.

Na tarde deste domingo (10), Estádio Coaracy da Mata Fonseca, na presença de 10.235 torcedores, o ASA começou mal a decisão da Copa do Nordeste 2013; o campinense abre o placar nos primeiros minutos do primeiro tempo, e a derrota de (2×1) só não foi pior porque o time alvinegro conseguiu fazer o gol de honra já nos acréscimos do 2º tempo.

Os gols da partida para a equipe visitante foram lateral-direito Thiago Granja e o atacante Jéfferson Maranhão. Em meio ao descompasso da derrota evidente, nos acréscimos do segundo tempo, o também atacante Wanderson diminui o placar para o ASA. O próximo embate entre as equipes será no próximo domingo, às 16h, em Campina Grande (PB); Para início de conversa o ASA tem que vencer por dois gols de diferença para se sagrar campeão. Na dança dos números a vitória por diferença mínima só lhe interessa se for a partir de 3×2.

Definição nos pênaltis

Esse fato, decisão nos pênaltis para definição do título de campeão, só será possível se o placar se repetir em favor do ASA. E porque conseguiu a façanha de ter feito dois gols fora, o Campinense tem uma dupla vantagem para ser campeão: empatar por qualquer placar ou perder por 1×0.

Visitante paraibano bem ostensivo

Proposta do Campinense realizada – Bem postado defensivamente, o Campinense foi a campo para explorar os contra-ataques. E seu esquema de jogo começou a funcionar cedo porque aos cinco minutos o meia Bismarck percebeu o lateral-direito Thiago Granja livre. Este, ao receber o passe, avançou e bateu cruzado na saída do goleiro Gilson para abrir o placar.

O ASA, que estava falho na marcação e passou a explorar lançamentos longos após o gol sofrido, só esboçou reação nos minutos finais quando acertou a trave do Campinense em duas oportunidades – a primeira com Rodrigo Dantas e a segunda com Pedro Silva.

Reserva Wanderson faz gol que diminui o grau de dificuldade do ASA para o segundo jogo – A etapa final começou com o ASA tentando sufocar o adversário. Porém, em nova falha de sua defesa, aos 15 minutos o Campinense ampliou. O ASA errou na saída de bola e permitiu o domínio do armador Glaybson e após trocar passes com Zé Paulo a bola terminou sobrando para o atacante Jéfferson Maranhaense, que livre de marcação estufou a rede adversária.

Este segundo gol foi uma ducha fria para o time do treinador Leandro Campos, que logo em seguida trocou Rodrigo Dantas por Wanderson. E foi Wanderson que aos 48 minutos do 2º tempo, numa jogada individual em que passou por três adversários, fez o gol que atenuou as dificuldades do ASA para a última partida da competição, domingo que vem, no Estádio Amigão.

 [nggallery id=1115]

Escalação do ASA

01 – Gilson

13 – Pedro Silva (substitui Fabiano)

03 – Tiago Garça

04 – Edson Veneno

06 – Chiquinho Baiano

07 – Cal

08 – Jorginho

10 – Didira

09 – Leo Gamalho

17 – Wanderson (substitui Rodrigo Dantas)

18 – Diego Costa (substitui Osmar)

Técnico: Leandro Campos

Campinense/PB

01 – Pantera

03 – Anderson Rosa

14 – Edmar (substitui Thiago Granja)

04 – Roberto Dias

15 – Danilo Portugal (substitui Panda)

05 – Edvânio

07 – Dedé

08 – Glaybson

27 – Andrezinho (substitui Bismarck )

09 – Zé Paulo

11 – Jéfferson Maranhense

Técnico: Oliveira Canindé

Data: 10.03.2013 | Hora: 16h00

Local: Arapiraca-AL | Estádio: Coaracy da Mata Fonseca

Público: 10.235 torcedores

Renda: R$ 168.850,00

Árbitro: Pablo Pinheiro/RN

Auxiliares: Cleriston Rios/SE e Clóvis Amaral/PE