Jatobá pede ao povo que fiscalize eleição em São Miguel
Conteúdo publicado por Divulgação em: 03/10/2012 às 13:47h.
Compartilhe com mais pessoas

Por Assessoria

Candidato está preocupado com a compra de voto e o abuso do poder econômico, na véspera do pleito

Na reta final da campanha, o candidato a prefeito Nivaldo Jatobá fez seu penúltimo comício na noite de terça-feira (2/10), na Praça da Bíblia, na parte alta da cidade. Depois de percorrer várias ruas do bairro Edgar Palmeira, Jatobá e eu vice Walminho Tenório falaram para o povo que foi prestigiar o comício da coligação “Essa é a São Miguel que nós queremos”.

[singlepic id=9694 w=320 h=240 mode=watermark float=left]Em seu discurso, Nivaldo Jatobá disse que está confiante na vitória, mas pediu ao povo que fique atento para a possibilidade da compra de voto na véspera da eleição. O ex-prefeito pediu para que os eleitores do 15 fiscalizem o pleito, que pode ter o resultado fraudado pelo abuso do poder econômico. “Vocês peguem o dinheiro dele e votem em mim”, disse Jatobá.

O candidato do PMDB disse ainda que – apesar do derrame de dinheiro e da troca de votos, por parte do seu principal adversário – a maioria da população de São Miguel está com o 15 e vai retirar da Prefeitura a preguiça, a mentira e o desperdício dos recursos públicos. “Vamos acabar com a festa deles, votando no 15 no dia 7 de outubro”, destacou.

Voto verde

Jatobá pediu ainda que as pessoas saiam de casa mais cedo para votar logo e evitar filas nos locais de votação. “Meu amigo Celinho pediu a vocês que compareçam às urnas de verde. Mas não precisa não. Se quiserem ir de verde tudo bem, mas se não der para ir de verde, vão vestidos de qualquer cor. O Importante é comparecer e votar no 15”, afirmou Jatobá.

Para o candidato do PMDB, o importante é que os eleitores do 15 fiscalizem os adversários do povo, que querem comprar a consciência do eleitorado miguelense, comprando votos, distribuindo remédios, cestas básicas, colchões, botijões de gás, material de construção e até eletrodomésticos, como geladeiras, fogões, celulares, aparelhos de TV e DVD.

Durante o comício, o locutor oficial da campanha pediu aos eleitores que fiscalizem o pleito, já que são muitas as denúncias de compra de votos por parte do atual prefeito. O candidato a vice Walminho Tenório também chamou a atenção dos eleitores para as falsas pesquisas que o candidato ‘que mente’ está colocando nas ruas para tentar enganar o eleitorado miguelense.

“Gostaria de chamar à atenção da Justiça Eleitoral para a movimentação suspeita dos compradores de voto, na madrugada de sábado para domingo. Além do ‘festival de baixaria’ que está chegando ao ápice, na reta final de campanha, com distribuição de panfletos agressivos que atentam contra a dignidade não só do nosso candidato como do eleitor”, alertou Walminho.

Quadrilha

Discursaram vários candidatos a vereador da coligação “Essa é a São Miguel que nós queremos”, mas foi o vereador Nailton Cavalcante que fez o discurso mais contundente. Ele pediu ao povo para votar no 15 e ajudar Nivaldo Jatobá a tirar da prefeitura “essa quadrilha” que se instalou no poder. “Vamos acabar de vez com a tenda do Ali Babá e os 40 ladrões”, afirmou o vereador.

Nailton Cavalcante disse também que, após a eleição, vai entrar na Justiça com um mandado de segurança para saber o que foi feito dos recursos da Prefeitura, na atual gestão. “Só vejo o povo dizendo que não tem remédio nos postos de saúde, não tem merenda de qualidade, os salários dos servidores em atraso. Por isso, quero saber onde está o dinheiro da Prefeitura”, questionou.

[nggallery id=891]