Maria Aparecida Barbosa da Silva
Conteúdo publicado por Divulgação em: 11/10/2019 às 8:14h.
Compartilhe com mais pessoas

MENascida em 01 de junho de 1964 na cidade de Itaquaquecetuba/SP, Maria Aparecida Barbosa da Silva, filha de Cícero Barbosa da Silva e Rosália Alves da Silva, chegou à cidade de São Miguel dos Campos em 1970, conheceu o Sr. Newton da Silva teve 3 filhos: Débora, Samuel e Daniel.

A profissão de docente iniciou – se em janeiro de 1988 na escola municipal professora Noêmia Bastos lecionando no curso do supletivo do 1° grau. Em 1991, foi indicada pela professora Selma Torjal (na época sua coordenadora), e convidada pela saudosa professora Ineide Nogueira para trabalhar no educandário Rosal Infantil. Nesta conceituada instituição iniciou lecionando nas turmas de 5ª e 6ª séries já implantadas nesta referida escola e logo após, assumiu também a função de secretária. Vale ressaltar, que a professora Aparecida passou a ter uma jornada de trabalho semanais de 60 horas, 40 horas na rede particular de ensino e 20 na rede municipal de ensino.

Encerrado o convênio do supletivo do estado com o município, Aparecida Barbosa passou a ministrar aulas nas turmas de 5ª a 8ª séries na escola municipal Rui Palmeira. Em 1993 retornou a escola municipal Noêmia Bastos como professora de geografia.

No período de janeiro de 1997 á julho de 1999 na mesma escola exerceu a função de diretora. Foi coordenadora de programas e projetos a convite da secretária de educação Valdiza Jatobá, irmã do Srº. Nivaldo Jatobá, prefeito na época.

Em janeiro de 2005 a professora Apareci da Barbosa, dentre suas grandes contribuições dadas a educação do município de São Miguel dos Campos, atuou na pasta de Secretária Adjunta de Educação, ainda na gestão da secretária de educação professora Valdiza Jatobá, exercendo essa função até outubro de 2011. Em outubro do mesmo ano foi remanejada a escola municipal Luzinete e Lindalva Jatobá com a função de Coordenadora Pedagógica do Ensino Fundamental II (6° ao 9° ano).

Como diz o ditado: “um bom filho a casa torna”, em janeiro de 2012,retorna para o colégio Nunila Machado exercendo a função de orientadora educacional, onde atua até os dias atuais. Em julho de 2015, afastou – se da educação municipal.

Venho expressar com carinho uma frase dita pela professora Apareci da Barbosa, conhecida por muitos como Cida: “sinto – me muito feliz em ter sido lembrada para esta homenagem e ao receber o convite da professora Tereza Calixto me emocionei e logo me veio a memória uma frase de Madre Tereza de Calcutá: – O que eu faço é uma gota no meio de um oceano, mas sem ela, o oceano será menor”.