Sindicalista acusa George Clemente de dilapidar patrimônio de São Miguel
Conteúdo publicado por Divulgação em: 14/09/2012 às 18:37h.
Compartilhe com mais pessoas

Por Assessoria

Aldo Sobreira quer saber por que o atual prefeito quer vender as ações da Petrobrás e onde o dinheiro será aplicado

O presidente licenciado do Sindicato dos Servidores Municipais de São Miguel dos Campos (Simesc), Aldo Sobreira, voltou a acusar o atual prefeito George Clemente, candidato à reeleição pelo PSB, de dilapidar o patrimônio público do município. De acordo com Sobreira, que é candidato a vereador por São Miguel, Clemente quer vender as ações da Petrobras, que pertencem ao município, mas não diz como o dinheiro será usado.

[singlepic id=7262 w=320 h=240 float=right]Sobreira disse que irá denunciar o esquema ao Ministério Público Federal (MPF) e à Polícia Federal. Para ele, a venda das ações é “mais uma farra com dinheiro público, promovida por Clemente”. Segundo o sindicalista, no último dia 12 de março os vereadores de São Miguel apreciaram e votaram um Projeto de Lei de autoria do executivo municipal, autorizando a venda de ações da Petrobrás, cujo valor não foi divulgado.

A sessão foi iniciada às 19 horas e em apenas 10 minutos todo o esquema montado pelo prefeito George Clemente foi analisado e aprovado pelos vereadores. Um verdadeiro absurdo”, afirmou Aldo Sobreira. O sindicalista disse que em nenhum momento a sociedade, ou ninguém foi comunicado de tal ação. “Essa deveria ser uma medida discutida entre o povo. Que benefícios essa venda de ações vai trazer para cidade?”, questionou.

Aldo afirmou que vai levar o caso para as instâncias competentes. “Estou tentando marcar uma audiência com o novo chefe do Grupo Estadual de Combate às Organizações Criminosas do Ministério Público Estadual (Gecoc), Alfredo Gaspar de Mendonça”, informou Sobreira. Para o sindicalista, o enriquecimento ilícito e outras práticas criminosas precisam ser combatidas. “Por isso, sou candidato a vereador, pois não tenho medo de denunciar”, acrescentou.

O Projeto de Lei Nº 7 é claro: “O prefeito do Município de São Miguel dos Campos (George Clemente), no uso de suas atribuições que lhe são conferidas pela Lei Orgânica do Município, faz saber que a Câmara Municipal aprovou e ele sanciona a seguinte Lei: fica o prefeito, autorizado a vender, na Bolsa de Valores, pelo preço da cotação do dia, as ações pertencentes ao Patrimônio Municipal, emitidas pela Petrobras – Petróleo Brasileiro S.A”.